0 Flares Facebook 0 Google+ 0 Twitter 0 Email -- 0 Flares ×

Segue vídeo sobre soberania de Deus e dependência de Deus e do diabo por homens para agir nesta terra. Minhas anotações seguem abaixo:

Soberania de Deus

Para soberania de Deus vamos buscar o termo soberano – Dicionário Aurélio – soberano – que detém poder ou autoridade suprema sem restrição, nem neutralização. Dominador, poderoso, supremo absoluto, excelente, magnífico, altivo e arrogante, eficiente, eficaz, poderoso, chefe de estado monárquico, ser moral que exerce poder soberano, imperante, aquele que influi poderosamente.

A lei é soberana, está acima dos indivíduos, acima da vontade, eles tem que se adequar ao que a lei diz, mas mesmo a lei sendo suprema e soberana, não impede que as pessoas quebrem a lei. Deus é soberano, mas Ele deu tal poder ao homem de escolha e decisão que cabe a ele escolher se obedece ou não, se quebra ou não.

Genesis – Domine o homem sobre ….

Salmos 115:16 – Os céus são os céus do Senhor,

mas a terra, deu-a ele aos filhos dos homens.

Dt 28 : vida e morte, benção e maldição, escolha pois a vida. Escolha porque é você quem vai escolher

arvore do conhecimento do bem e do mal – aqui já o homem já quebra a vontade de Deus, e Deus permite . – Aqui já ve que tudo que acontece é a vontade de Deus, de forma nenhuma. Ele deu os termos dele, mas o homem escolhe, através do nosso livre-arbítrio.

Deus não foi hipócrita quando ele falou que não era pro homem comer do fruto do conhecimento do bem e do mal, do tipo, to falando pra não comer mas sei que vai comer, então eu vou te ensinar… não, Ele estava determinando a vontade Dele, mas valorizando completamente que o homem tenha liberdade de escolher, de obedecer, de amá-lo.

Homens fora completamente contra a vontade de Deus.

Deus sempre mostrou que a vontade Dele fosse que todos se salvassem. Mas não serão todos. Que todos tenham vida, mas nem todos terão. Que Jesus veio para que tenhamos vida, que é a vontade do Pai, e ainda a tenhamos em abundância, mas o inimigo vem pra roubá-la, pra destruí-la e para acabar com ela (matar). No início, em Gênesis, deu escolheu que tivessem vida, desfrutassem de todas as coisas, e ainda alcançassem a vida eterna desfrutando de sua bondade, mas o homem escolheu acreditar no diabo (serpente) e então definirem por eles mesmos o que é bom e ruim. Dai em diante passou a existir a sabedoria de Deus, boa perfeita e agradável, e a sabedoria humana, maligna e perversa.

O poder da vida e da morte está na língua, e aquele que a ama colherá do seu fruto (provérbios). O fruto vem depois da semente, então o fruto do que você fala, enquanto o que você fala são as sementes.

Salmos 117:89 – Sua palavra está para sempre estabelecida nos céus.

Isaias – Minha palavra não volta para mim vazia, antes de só retorna após ter cumprido todo papel a qual designada.

A palavra de Deus é como uma lei, tudo que Ele falou, Ele não pode voltar atrás.

Pai nosso: Seja feita a vossa vontade aqui na terra, assim como é nos céus.

Nos céus a vontade de Deus já está estabelecida e acontecendo perfeitamente. Mas aqui na terra os homens devem estabelecer, por isso é pedido que aqui possa ser estabelecido a vontade Dele como de fato está estabelecida lá nos céus.

Salmos 78: 40,41 – Quantas vezes o provocaram (a Deus) no deserto, e o entristeceram na solidão, voltaram atrás e tentaram a Deus, e limitaram o Santo de Israel.

Como pode homens limitar a Deus?

A vontade de Deus era que o povo passasse pelo deserto e entrasse na terra prometida. Mas o que aconteceu? Ficaram andando em voltas murmurando no deserto, e depois ficaram espiando a terra prometida, ficaram com medo, e ficaram se revoltando. Nada disso era a vontade de Deus. Mas eles limitaram a Deus, porque desobedeceram a Deus e não agiram conforme Deus queria.

Jesus era o Filho do Homem. Por que se manifestou como homem? Porque o mundo está debaixo da autoridade dos homens.

Na queda, Deus não poderia falar, vamos deixar isso pra lá, vou apagar esse momento aqui e vou mudar as coisas, porque Ele teria que ir contra o que ele estabeleceu. Ele deu autoridade ao homem para exercer o domínio na terra. Em outras palavras, Ele deu ao homem o domínio da terra. Ali Ele escolheu se limitar através de sua própria palavra.

Agora Ele poderia ter acabado sim com a terra e com tudo que nela há. Porque Ele deu o domínio da terra, mas acabando a terra acaba o domínio. Entretanto Ele encontrou uma maneira de nos abençoar e nos resgatar mediante ao seu imenso amor.

Lucas 4:2durante quarenta dias, sendo tentado pelo diabo. Nada comeu naqueles dias, ao fim dos quais teve fome. 3Disse-lhe, então, o diabo: Se és o Filho de Deus, manda que esta pedra se transforme em pão. 4Mas Jesus lhe respondeu: Está escrito:

Não só de pão viverá o homem.

Dt 8.3

5E, elevando-o, mostrou-lhe, num momento, todos os reinos do mundo. 6Disse-lhe o diabo: Dar-te-ei toda esta autoridade e a glória destes reinos, porque ela me foi entregue, e a dou a quem eu quiser.

Quem que deu os reinos do mundo pra Satanas? Deus?

Na verdade Deus deu para o homem, a quem foi feito a sua imagem e semelhança.

Em gaiatas, diz que não sabeis vós que a quem apresentardes servos para vos servir, sois servos daqueles a quem obedeceis? Ou do pecado para a morte? Ou da justiça para vida?

Assim Adão e Eva obedeceram a Satanás, e estavam se sujeitando ao diabo, se tornaram servos do pecado, e então os reinos do mundo se tornaram do diabo, porque os homens, aos quais os reinos pertencem, se tornaram servos do pecado.

Por isso o mundo cheio de morte, doença, e todo o mais de ruim.

Por isso Jesus teve que vir como homem.

“Não há nada que acontece no mundo que é a vontade do diabo, sem acontecer através de um ser humano, sem um homem permitir. Da mesma maneira, não tem como acontecer a vontade de Deus na terra, sem ser através de um homem.” Natan Teixeira

Os homens são o meio, quem determina o que acontece neste mundo.

Orações deveriam ser determinações de poder para que assim aconteça sobre as coisas determinadas.

Seja feita a Sua vontade na terra, como é feita nos céus. – Aqui está havendo uma determinação por quem pode assim fazer esta determinação (o homem) na terra, da mesma forma como é feita no céus mediante a determinação de Deus o qual exerce seu domínio lá.

Jesus veio para estabelecer a vontade do Pai aqui. Como? Como homem. Só pode fazer isso vindo em forma de homem, ganhando autoridade e permissão para agir no mundo, vencendo o diabo, e abrindo as portas para nos transformar e que cumpríssemos a vontade Dele nessa terra.

Hb 1 – Jesus é o resplendor da glória e a expressão imagem de sua pessoa. (expresso caráter). Jesus é o expresso caráter de Deus. Ele jamais colocou doença em alguém, essa doença é pra te ensinar algo. Não, ele destruía o que matava os homens.

Jesus é luz, e nele não há trevas alguma.

Não erreis, todo dom perfeito, desce do pai das luzes, o qual não tem mudança nem sombra de variação.

A vida vem de Deus, a luz vem de Deus, nele não há mal algum.

Existem promessas das quais você pode executar coisas resultando em viver uma vida mais longa, o que prova que não existe um dia estabelecido por Deus para que você morra – ex: honra teu pai e tua mãe para que sejam dilatados os seus dias na terra.

Satanás age com as mentiras dele, tentando usar outras pessoas e até a própria pessoa, para que assim aconteça a vontade dele como mortes, estupros, e tantas coisas ruins. Ele cria confusões, aproveita situações, aproveita homens que saem de sua consciência e viram presas fáceis e por aí vai.

Sujeitai-vos a Deus, resisti ao diabo, e ele fugirá de vocês. Quem resiste ao diabo e as suas ações (doenças) somos nós, e o diabo vai fugir de nós, e não de Deus. Então quem resiste e põe pra ir embora somos nós, homens, e não Deus.

Todas as coisas cooperam (e não acontecem) para o bem daqueles que amam ao Senhor e estão prosseguindo em sua vocação (Romanos 8:28) – Todas as coisas não contribuem para quem não amam a Deus, e não cooperam para quem amam a Deus mas não estão seguindo o chamado de sua vocação. E não é Deus que cria a bagunça, mas quem transforma a bagunça em algo bom.

O homem hoje deveria dominar tudo, mas não consegue nem mesmo se dominar. Quão longe estamos do plano e configuração original de Deus. O resultado de tudo isso jamais pode ser a vontade de Deus, mas provavelmente o inverso dela.

Deus não nos deu um espírito de temor, mas de fortaleza, amor e moderação (que significa também domínio próprio, mente sã) – através de Jesus uma das primeiras coisas que devemos mudar é através de um espírito poderoso sujeitemos nossos pensamentos, vontades e ações conforme a vontade de Deus.