0 Flares Facebook 0 Google+ 0 Twitter 0 Email -- 0 Flares ×

 

Você sabe quem era esse juiz?

Ele realmente fez alguns planos de Deus em sua vida, e quis casar com uma mulher que seria ruim para seus familiares e seu povo a quem julgava. “Mas seu pai e sua mãe não sabiam que isto vinha do SENHOR” (14:4a).

Da mesma forma que foi com este juiz, é conosco! Deus vai cumprindo as primícias de nosso chamado colocando desejos em nosso coração, porém … não é esse o amadurecimento final que devemos aguardar! Ao contrário, devemos amadurecer até a morte, somente na morte, podemos finalmente cumprir o real chamado de Deus para nós!

Diz mais o texto, “e foram mais os que matou em sua morte do que os que matara na sua vida.” (16:30c)

E não só isso, no meio dessa leva, estavam os príncipes dos filisteus! A raiz do mal que Deus gostaria de eliminar para então livrar seu povo da subjugação existente!

Isso, se você já tinha percebido, estamos falando de Sansão, e as referências podem ser encontradas no livro de Juízes! Esse foi o juiz de Israel que julgou esse povo por 20 anos, mas somente em sua morte, cumpriu o real propósito de Deus.

Eu estou disponibilizando este texto para você, para que reflita hoje sobre isto em oração: você só vai cumprir o real propósito de Deus em sua vida quando resolver entregar sua vida para Cristo, para seu propósito! E isso não significa somente aceitar Jesus como salvador, mas sim finalmente aceitá-lo como SENHOR, e como escravo, servo, entender que seu direito agora é morrer para si mesmo, negar-se a si mesmo, desistir do seus propósitos, paixões, e ser um cumpridor dos propósitos eternos de Deus.

“Fazei, pois, morrer a vossa natureza terra [...]; por estas coisas é que vem a ira de Deus [sobre os filhos da desobediência]” (Cl 3:5)

“Em verdade, em verdade vos digo: se o grão de trigo, caindo na terra, não morrer, fica ele só; mas, se morrer, produz muito fruto” (Jo 12:24)

Jesus é quem pensa isso! E Sansão já aplicou lá atrás! Continuou:
“quem ama a sua vida perde-a; mas aquele que odeia a sua vida neste mundo preservá-la-á para a vida eterna.” (v25)

Foi isso que Sansão também fez!

Foi isso que a igreja primitiva inteira fez, e que nós, evangélicos batemos no peito pra dizer que estamos restaurando a mesma igreja, “original”. Não, não estamos.

Deus nos chama hoje a seguí-lo. Quer ser um Novo Crente? Quer conhecer o Projeto de Vida do NC? Morra para si mesmo, negue-se a si mesmo, tome a sua cruz e seguia-O!

“Se alguém me serve, siga-me…” (v 26a)

A paz de Cristo, para os que estão atribulados no espírito por servir a Cristo.

Ricardo Cruz

morte-juiz